O PECADO

Pregador: Diomar da Veiga

Leitura Bíblica: 1ª Pedro 4:1-5

Tema: PECADO

1ª Pedro 4:1-5

1 Ora pois, já que Cristo padeceu na carne, armai-vos também vós deste mesmo pensamento; porque aquele que padeceu na carne já cessou do pecado;

2 para que, no tempo que ainda vos resta na carne não continueis a viver para as concupiscências dos homens, mas p/a vontade de Deus.

3 Porque é bastante que no tempo passado tenhais cumprido a vontade dos gentios, andando em dissoluções, concupiscências, borrachices, glutonarias, bebedices e abomináveis idolatrias.

4 E acham estranho não correrdes com eles no mesmo desenfreamento de dissolução, blasfemando de vós;

5 os quais hão de dar conta ao que está preparado para julgar os vivos e os mortos.

DESATAMENTO

VS 1 - Ora pois, já que Cristo padeceu na carne, armai-vos também vós deste mesmo pensamento; porque aquele que padeceu na carne já cessou do pecado;

Queridos Irmãos, Queridas Irmãs, Jesus hoje quer nos falar sobre o PECADO, o mal que separa o Homem de Deus. Temos que seguir o exemplo de Jesus, temos que viver longe do pecado, temos que renunciar aos manjares que o inimigo coloca diariamente e em abundância à nossa disposição. Temos que seguir o exemplo de Cristo, que abandonar, resistir, abdicar de tudo aquilo que não agrada a Deus. Temos que destruir esse intransponível obstáculo que separa o homem de Deus: o PECADO.

Está escrito na Palavra de Deus, em MC 8:35 - "Pois quem quiser salvar a sua vida, perdê-la-á; mas quem perder a sua vida por amor de mim e do evangelho, salvá-la-á". Sabem o que quer dizer esse versículo ? Quando fala que "quem quiser salvar a sua vida, perdê-la-á" Jesus nos alerta que quem quiser aproveitar os manjares do mundo vai perder a salvação – ou seja – vai desfrutar dos gozos do pecado aqui, por um curtíssimo período de tempo (60, 70, 80 anos), mas em compensação vai perder a vida eterna ao lado de Cristo. E quando fala que "quem perder a sua vida por amor de mim e do evangelho, salvá-la-á" Ele nos mostra que renunciando ao pecado e seguindo suas Leis, Mandamentos, Estatutos, Requerimentos, ganharemos a vida eterna e iremos fazer morada permanente na terra prometida, iremos morar com Ele no Céu, para toda Eternidade, naquele lugar onde não haverá tristeza, não haverá morte, não haverá lágrimas, nem dor, mas apenas a alegria e a paz infinita que só Deus pode nos dar.

VS 2 - para que, no tempo que ainda vos resta na carne não continueis a viver para as concupiscências dos homens, mas para a vontade de Deus.

O mundo em que vivemos está norteado pela liberdade absoluta, onde todos fazem o que bem entendem não se preocupando se agrada ou não à Deus e ignorando solenemente as conseqüências das suas atitudes. A preocupação maior das pessoas tem sido ao longo dos séculos a obtenção de riquezas materiais ignorando o que está escrito em Mateus 6:19-21 que diz "Não ajunteis para vós tesouros na terra; onde a traça e a ferrugem os consomem, e onde os ladrões minam e roubam, mas ajuntai para vós tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem os consumem, e onde os ladrões não minam nem roubam, Porque onde estiver o teu tesouro, aí estará também o teu coração".

Mas quem liga para isso hoje em dia, nesse mundo capitalista e consumista? Quem se preocupa com o que pode lhe acontecer depois da morte carnal? Quem se preocupa em agradar a Deus? Quem está disposto a renunciar aos prazeres da carne e viver uma vida em santidade e obediência? Raríssimas pessoas, irmãos e irmãs, raríssimas. Mas de que nós vale vivermos 60, 70, 80 anos como queremos, como a carne quer, tendo apenas momentos de prazer e alegria, e depois passarmos toda ETERNIDADE em lágrimas e ranger de dentes ? Em Marcos 8:36 diz Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua vida? :

Meu irmão, minha irmã, temos que ir na contramão do mundo (muitos serão os convidados, mas poucos os escolhidos) se quisermos ser um dos escolhidos para morar toda eternidade com Jesus. Temos que juntar tesouros nos céus e não tesouros na terra. Como? Levando uma vida apartada, em santidade e obediência às Leis de Deus.

VS 3 - Porque é bastante que no tempo passado tenhais cumprido a vontade dos gentios, andando em dissoluções, concupiscências, borrachices, glutonarias, bebedices e abomináveis idolatrias.

Amados, antes éramos cegos, surdos e mudos, éramos pecadores mortos para Cristo. A partir do momento em que aceitamos Jesus em nossas vidas, ressuscitamos e agora somos Filhos da Luz, Filhos de Deus, e como tais temos que viver. Temos que jogar fora das nossas vidas todas as dissoluções, concupiscências, idolatrias, rebeldia, desobediência, temos que – repito – viver em santidade, apartados do mundo. Temos que trocar as ideologias do mundo do homem, temos que nos libertar da sociedade consumista e das suas mazelas e colocar como metas em nossas vidas o Arrependimento, o Reconhecimento, a Humilhação e o Perdão, que são os pilares necessários para levarmos uma vida de acordo com a Santa Doutrina dos Apóstolos.

VS 4 - E acham estranho não correrdes com eles no mesmo desenfreamento de dissolução, blasfemando de vós;

Esse versículo nos alerta que ao optarmos andar pela contramão do mundo e na mão de Deus, seremos criticados, difamados, vão dizer que somos fanáticos, que passamos por uma lavagem cerebral e seremos considerados "anormais" e inimigos do mundo. Irmãos e Irmãs, creiam: infinitamente melhor ser inimigo do mundo do que de Deus. Em Tiago 4:4 diz: "Infiéis, não sabeis que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus." Não sou eu quem está dizendo, é a Palavra de Deus. O que pode fazer o homem por você (os amigos do mundo)? Nada, a não ser levá-lo junto para um buraco sem fim. E o que pode fazer Deus por você? Tudo. Tudo que você pode e até o que não pode imaginar – sempre para o nosso bem.

Jesus disse em João 10-10: "O ladrão não vem senão para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância". Vamos ficar ao lado de quem ?

VS 5 - os quais hão de dar conta ao que está preparado para julgar os vivos e os mortos.

Quem hoje no mundo se preocupa com esse versículo? Quem hoje é consciente de que será julgado pelos seus atos, e que esse julgamento é justíssimo e implacável, sem direito à recorrer? Há milhares e milhares que pensam que suas atitudes ficarão por isso mesmo, que não terão conseqüências. Dos bilhões de seres humanos quem leva a sério o que diz em Apocalipse 20-13: "O mar entregou os mortos que nele havia; e a morte e o hades entregaram os mortos que neles havia; e foram julgados, cada um segundo as suas obras".

Irmãos e irmãs, ninguém, absolutamente ninguém, vivo ou morto, rico ou pobre, branco ou preto, poderoso ou humilde, crente ou descrente, escapará do grande julgamento. Todos, um a um, serão julgados pelas suas obras, todos, sem exceção, terão o mesmo julgamento, imparcial, justo e definitivo. Seja Presidente, seja lixeiro, seja Senador, seja porteiro ou um mega empresário, ninguém escapará. E naquele dia o julgamento resultará em uma das duas frases abaixo:

1) Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai. Possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo (MT 25:34);

2) Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai- vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos;

Se você quiser ouvir a primeira frase, terá que provar que teve uma vida reta e santa, que cumpriu todos os mandamentos, leis, estatutos e requerimentos de Deus, que renunciou às coisas do mundo para assumir o modo de vida de um filho de Deus. Se quiser ouvir isso não poderá ter provas que possam levá-lo a ouvir a segunda frase. Que provas são essas? PECADO - Vamos meditar sobre essas provas.

Queridos Irmãos, queridas irmãs, temos que nos conscientizar que o pecado não é um produto biodegradável, não prescreve, não é descartável, não se desintegra com o tempo, não se dissolve, não perde a validade. É indestrutível pelas forças humanas.

Podemos comparar o pecado como um câncer: O câncer mata se não for tratado, se não for extirpado, se não for curado e o tratamento é doloroso e caro. O pecado é ainda pior do que o câncer, porque levará para a condenação eterna, para aquele lugar indescritível onde haverá só choro e ranger de dentes.

Mas Deus, com seu infinito amor e misericórdia coloca à nossa disposição uma vacina infalível contra o pecado que está descrita ponto por ponto nas Sagradas Escrituras. Basta que a leiamos e cumpramos tudo que lá está escrito.

Quem já participou ou já viu um julgamento sabe que de um lado está o advogado de defesa, de outro o promotor (acusação) e na frente o Juiz. No julgamento final nosso advogado de defesa será Jesus Cristo, o promotor será Satanás e claro, o Juiz, Deus.

Vamos nos aprofundar um pouco mais: Nesse julgamento haverá fartura de provas, porque tudo, absolutamente tudo que fazemos, ouvimos, vemos, falamos, pensamos, está registrado no Livro da Vida, que será aberto naquele dia, como prova viva e irrefutável. Leiam o Salmo 139.

Nosso advogado de defesa (Jesus) e o próprio Juiz, irmãos e irmãs, são testemunhas oculares de tudo que fazemos (não esqueçam que Deus é Onipotente, Onipresente e Onisciente). Como Ele vai nos defender se vivemos em pecado, como Ele vai nos defender se existem tantas provas incontestáveis contra nós ??? A condenação é líquida e certa, é garantida por causa dos nossos pecados (provas) e se assim nos encontrarmos naquele dia, infelizmente ouviremos a 2ª frase mencionada acima (Apartai- vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos).

Irmãos e Irmãs, contra fatos não existem argumentos. Pecados são fatos, repito, não são produtos biodegradáveis, não prescrevem, não são descartados, não se desintegram, não se dissolvem, não perdem a validade. E não adianta ser o Presidente do país mais poderoso do mundo, ser um político influente, ser bilionário, não adianta nada, porque o Juiz é ninguém menos que Deus. Ponto final.

Reitero a afirmação que o pecado é indestrutível pelas forças humanas, não adianta dinamite, nem ácido, nem fogo, nem nada neste planeta. Está registrado, um a um e detalhadamente no Livro da Vida. 

Só podemos nos livrar dessas provas (pecados) se os confessarmos, se nos arrependermos de tê-los cometido, se renunciarmos (não adianta se arrepender e não renunciar) à eles. É a única solução, é de graça, e pode ser feita agora nesse instante.

Muitos podem questionar a existência dessas provas, e à essas pessoas recomendo que leiam o que está escrito em Mateus 18:18: Em verdade vos digo: Tudo quanto ligardes na terra será ligado no céu; e tudo quanto desligardes na terra será desligado no céu. Quando ligamos? Quando pecamos. Como desligarmos? Confessando nossos pecados.

Assim também muitos podem dizer que não pecam, porque não traem, não roubam, não matam, e etc. A esses recomendo que leiam o que está escrito em 1ª Reis 8:46: "Quando pecarem contra ti (pois não há homem que não peque)...", ou ainda no livro de Salmos 14:2-3 –" O Senhor olhou do céu para os filhos dos homens, para ver se havia algum que tivesse entendimento, que buscasse a Deus. Desviaram-se todos e juntamente se fizeram imundos; não há quem faça o bem, não há sequer um." No livro de Provérbios 24:16 está que escrito que um justo peca 7 vezes. Quem é justo ? Alguém já falou para você que pecamos inúmeras vezes por dia, seja através dos nossos olhos, nossos ouvidos, nossos lábios, nosso coração, nossa mente, nosso comportamento? Ainda acha que não peca? Se conseguíssemos pecar uma única vez por dia, quantos pecados teríamos acumulado até hoje ? Veja quantos anos você tem e faça as contas.

Muitos acham que seus pecados não tem conseqüências aqui ou depois da morte. Há sim e também aqui mesmo, é só ler o que está escrito no livro de Miquéias 6:13 "Assim eu também te enfraquecerei, ferindo-te e assolando-te por causa dos teus pecados" Quem sabe alguém nesse momento não descobre as causas da sua enfermidade..."

Meus irmãos, minhas irmãs, alguém já viu de perto um navio? Viram com o é gigantesco? E sabem que o que segura e mantém parada aquela gigantesca embarcação é uma pequena âncora, minúscula se comparada ao tamanho do navio? Podemos também comparar o pecado com uma âncora. A âncora segura o navio, e o pecado impede a salvação se não for confessado, desatado, desligado no céu (vejam Mateus 18:18).

Tem muita gente que não gosta de ser enumerado, não admite seus erros, muito menos suporta a idéia da confissão. Grave erro. Gravíssimo. Temos que proceder ao contrário, temos que orar para que sejamos enumerados, exortados, porque é assim que teremos a oportunidade de confessar e renunciar aos nossos pecados, apagando definitivamente as provas que poderiam ser utilizadas contra nós naquele grande dia.

O dia do julgamento ninguém sabe, nem Jesus, e isso está escrito na Bíblia. Pode ser hoje mesmo ou daqui a centenas de anos, mas devemos nos lembrar que cada dia que passa provas estão sendo anexadas no Livro da Vida e do que está escrito em Mateus 24: "Aí das que estiverem grávidas (pecado não confessado) e das que amamentarem (estiverem em pecado) naquele dia"

Para finalizar, lembrem-se sempre: O pecado não é um produto biodegradável, não prescreve, não é descartável, não se desintegra com o tempo, não se dissolve, não perde a validade.

Que Deus os abençoe poderosamente.

Amém.